6º NodeGirls: Sequelize em aplicações Node.js!

Um espaço para não apenas programadoras Node, mas sim, estudantes de qualquer área da tecnologia da informação, programadoras de outras linguagens ou simplesmente mulheres que querem apoiar outras mulheres.

NodeGirls

Sobre as NodeGirls:
*alguns textos retirados do site.

NodeGirls

O que é a iniciativa NodeGirls?

“Um espaço para não apenas programadoras Node, mas sim, estudantes de qualquer área da tecnologia da informação, programadoras de outras linguagens ou simplesmente mulheres que querem apoiar outras mulheres.
Nossa ideia é manter um espaço mais confortável para que possamos compartilhar nossos conhecimentos e auxiliar na evolução pessoal e profissional de cada uma de nós.”

NodeGirls

Qual é o foco?

  • Iniciativa de aprendizado;
  • Conteúdo produzido por mulheres;
  • Impulsionar programadoras no mercado de Node;
  • Fortalecer a comunidade;
  • Espaço aberto e seguro;
  • Combate ao machismo com destaque ao cenário da TI.

NodeGirls

Coordenação

Camilla Martins Punk, paulista, santista e alucinada pelo Universo Marvel. Fundadora da iniciativa NodeGirls, líder local do Women Techmakers e coordenadora do GDG Porto Alegre. Sou uma grande entusiasta da comunidade dev. O que era só um site para o pai há 9 anos, virou minha profissão. Formada em Análise e Desenvolvimento de Sistemas, trabalho como Software Consultant na ThoughtWorks e sou desenvolvedora web freelancer há mais de 5 anos. Nas horas vagas, estou codando (também!) e cuidando de felinos e ratinhos.

Zalba Monteiro Desenvolvedora de software há pelo menos 7 anos, hoje startupeira de carteirinha e full-stack na OPnGO Brasil, amante de tecnologias que envolvem o universo javascript <3, entusiasta de iniciativas de empoderamento de pessoas negras e no protagonismo feminino. Potterhead sim!! Feminista sim!!! E entre um código e outro, ainda dá tempo de tomar um bom café, fazer uma tatuagem ou cozinhar para os amigos.

NodeGirls

O evento NodeGirls que ocorreu hoje dia 14/07/2018 aconteceu na empresa Saque e Pague, tivemos a apresentação da iniciativa NodeGirls e os avisos da coordenação, após a abertura, a Camilla Martins iniciou com a Oficina de GIT: vamos aprender GIT e reforçar conhecimentos! Seguida com a palestra Sequelize em Node.js da Cláudia Strm; e ao final ocorreu um sorteio de brindes e o encerramento.

NodeGirls

Mais sobre o NodeGirls:

  • Para mulheres e minorias de gênero;
  • Inclusivo para mulheres negras;
  • Inclusivo para a comunidade LGBT;
  • Possui acesso a cadeirantes nos eventos;
  • Apoiam mães nos eventos;
  • Homens também são convidados a virem aos eventos (favor ler código de conduta);
  • Possui coffee com opções vegetarianas.

NodeGirls

Comentários